domingo, 26 de agosto de 2007

Rabanadas

Algumas amigas minhas do Brasil,andam há muito tempo a pedir-me a receita da tradicional Rabanada Portuguesa,e como a minha mãe gosta muito destes miminhos,juntei o útil ao agradável e aqui estão as Rabanadas.
Meninas nada de ...leite condensado!!!!!! A receita é muito simples.
Convém ter um bom pão,nós aqui temos cacetes próprios para a rabanada,mas podem fazer com outro tipo de pão.
Eu adoro rabanadas, mais ainda quando é fora da época do Natal.
Qualquer dia coloco aqui as Rabanadas de Vinho,ok????





INGREDIENTES :

* 1 Cacete para Rabanadas
* Água q.b.
* Áçúcar q.b.
* Pau de Canela q.b.
* Casca de limão q.b.
* Ovos q.b.
* Canela q.b.
* Óleo q.b.


Comece por levar um tacho ao lume com a água ( o suficiente para molhar o pão todo),a casca de limão,o pau de canela e adoce a seu gosto.Deixe ferver.
Enquanto isso,corte o cacete em fatias (grossura de ± 2 dedos).Depois de o "chá" ferver desligue o lume.Com ajuda de uma escumadeira (aquele com os buraquinhos...rss),molhe bem as fatias de pão,mas não muito,senão partem ao meio.
Deixe arrefecer um pouco.
Depois passe-as por ovo batido e frite-as em óleo.Retire-as para um prato com papel absorvente ,só para escorrer um pouco da gordura.Passe-as logo de seguida por uma mistura de açúcar e canela e ponha-as numa taça.Quanto mais açúcar polvilhar,mais molhadinhas ficam,pois o calor delas vai fazer derreter o açúcar.





SUGESTÕES :

- Pode substituir,metade da água por leite,pois ficam mais macias.Não aconselho a fazê-lo no Verão porque pode azedar,com o calor.
- Se gostar,faça uma calda para as acompanhar.Guarde uma tigela do "chá" onde molhou o pão,junte-lhe 1 colher de sobremesa da mistura de açúcar e canela e um pouco de vinho do Porto.Mexa e sirva com as rabanadas ou regue-as com a calda directamente.

18 comentários:

laila disse...

nossa que diferente...aprendi com uma amiga as rabanadas mas molhavamos em leite om açúcar e baunilha...adorei a maneira como vc faz...bjos

meninazul disse...

fonix, quando aí estive não fizeste nada disto ;P feia

A Flosinha disse...

Adoro rabanadas e estas são mesmo iguais ás que a minha avó fazia, ela era do Porto.
Flosinha

Elvira disse...

Que maravilha! Até parece que já chegou o Natal! :-)

Marizé disse...

Que delicia, gosto tanto de rabanadas, quando era pequena a minha mãe fazia para o pequeno almoço. Que saudades!

Migas disse...

Que delícia! Faço-as exactamente dessa forma! E sabe tão bem comer estas coisas fora da época! :o)

Zete disse...

Adoro rabanadas...

Dani Toré disse...

Cris,
Minha sogra, que tb é portuguesa, faz a receita de rabanadas exatamente como a sua.
As de vinho então, que delícia...
Bjs

Eliana Scaramal disse...

Meu Deus isso é covardia?! É pra matar mesmo?!?! Aff, que delícia!! Vou sonhar com essa rabanada. :)

Cláudia A. disse...

Que maravilha Kini. Adoro rabanadas mas estou morrendo de curiosidade para conhecer as de vinho. Um beijo.

diogo disse...

a minha tia-avó fazia isto .chamava-lhes constipadas . lembro-me que saltava óleo por todo o lado . era o parente pobre das outras pelo facto de serem demolhadas em água e não em leite . estou a falar em termos de há mais de 30 anos atrás . obrigado pela lembrança. bj

bia disse...

Adoro rabanada, sempre fiz com leite, vou anotar esta receita ! bjs

Sara disse...

Ai eu quero uma,pensando bem duas tenho k comer por dois,rsrs.
Eu adoro rabanadas.Bjitos

Ana de Almeida disse...

Adoro rabanadas, um dos meus doces favoritos.

turbolenta disse...

Este é o doce que nunca falta na minha mesa de Natal. Todos gostam e desaparecem num instante
bom fim de semana

Cris disse...

Agora sim, uma verdadeira rabanada portuguesa com certeza!

Kelly disse...

Já experimentaste deitar um cheirinho de vinho do Porto na calda que levas ao lume? Fica excelente e corta um pouco no doce...

valentina disse...

Já fiz esta receita no Natal do ano passado ao visitar meus pais no Brasil. a receita peguei com a Conceição.Deliciosa realmente. amo rabanadas.

Bolo de Banana e Noz

Olá,"minha gente"!!!!! Estive ausente,mas foi necessário...a minha cabeça precisava de um afastamento do computador...hihihi...est...